Um texto destruidor de Marcela Taís

Vocês sabem que a Marcela Taís é uma fonte de inspiração para mim, seus textos são incríveis, sempre me fazem refletir e mudar de alguma forma. Recentemente ela postou uma foto com um novo texto destruidor de tristeza – e levantador de autoestima – incentivando a aceitação, valorização e o amor próprio. A mídia é a maior ditadora de regras sobre o corpo da mulher, a maneira como devemos nos vestir, decidindo por nós como devemos ser, quais os padrões devemos seguir, qual número no manequim devemos alcançar. Isso tudo é uma mentira enorme? Sim. Uma mentira enorme. Ok, agora vamos ao que interessa. Apenas leia o texto abaixo:

girl-984155_1920

ELES NEM SE ATRAEM POR MULHER

A arte de Deus
Não segue padrões humanos
Meu bem, se aceita
Cada um tem sua beleza
Sabia que quem inventou as magrinhas
Das passarelas nem são homens
Que se atraem por mulher?
Polêmico né, acredite se quiser!
Tipo um cabide humano bolaram
Pro pano ganhar mais destaque que o corpo
O foco é o produto
A parte de dentro?
Valoriza-se tão pouco…
Inclusive, já reparou que na passarela
Falta sorriso no rosto?
Só querem mesmo é vender roupa
E a gente acreditando em tudo
Querendo agradar o mundo
Ficando louca!
Você não precisa ser nenhuma delas
Nem precisa de comentários na foto para acreditar
Sabia que as curtidas não te levarão a nenhum lugar?
Meu bem, quer uma dica?
Vai estudar
Vai realizar
Fique menos no celular
O tempo tá passando
A beleza vai acabando
E o que tem guardado na sua bolsa
Para garantir o futuro?
Escolha um batom bonito
Mas meu bem, por favor,
Escolha também palavras sábias para seus lábios
Pra alma um caráter que a perfume
E pro corpo uma bela roupa para cobrir esta obra de arte rara que não precisa de exibição gratuita
Vai se amar
Vai sonhar
Vai à luta
Se aceita, abraça este corpo casa tua
Gordinha, alta, baixinha
Sardas, morena, negra
Branquela, magrinha
Linda, vai lá ser livre vai. 💛

• ELES NEM SE ATRAEM POR MULHER • A arte de Deus Não segue padrões humanos Meu bem, se aceita Cada um tem sua beleza Sabia que quem inventou A extrema magreza das passarelas Foram homens do tipo Que nem se atraem por mulher? Polêmico né, acredite se quiser! Bolaram um cabide humano Pro pano ganhar mais destaque que o corpo O foco é o produto A parte de dentro? Valoriza-se tão pouco… Inclusive, já reparou que na passarela Falta sorriso no rosto? Só querem mesmo é vender roupa E a gente acreditando em tudo Querendo agradar o mundo Ficando louca! Você não precisa ser nenhuma delas Nem precisa de comentários na foto para acreditar Sabia que as curtidas não te levarão a nenhum lugar? Meu bem, quer uma dica? Vai estudar Vai realizar Fique menos no celular O tempo tá passando A beleza vai acabando E o que tem guardado na sua bolsa Para garantir o futuro? Escolha um batom bonito Mas meu bem, por favor, Escolha também palavras sábias para seus lábios Pra alma um caráter que a perfume E pro corpo uma bela roupa para cobrir esta obra de arte rara que não precisa de exibição gratuita Vai se amar Vai sonhar Vai à luta Se aceita, abraça este corpo casa tua Gordinha, alta, baixinha Sardas, morena, negra Branquela, magrinha Linda, vai lá ser livre vai. 💛

A post shared by Marcela Taís (@marcelataisoficial) on

Bem, nem precisa falar mais nada né?

Mas quero ressaltar mais uma coisa: Não tenha seu foco todo voltado na beleza, você é muito mais que um rosto, um corpo…Não passe a sua vida focando apenas naquilo que um dia irá acabar. O que você tem guardado para seu futuro? Quais são os seus talentos? Já descobriu?

Deixo essa reflexão e esses questionamentos no dia de hoje, a vida é muito mais do que a mídia mostra, lá o foco é apenas o produto. Não permita-se ser enganada, amiga leitora.

Ah e ficamos na torcida para que essa poesia vire uma música? Com certeza!

E meu bem, mais uma vez:

Vai se amar
Vai sonhar
Vai à luta
Se aceita, abraça este corpo casa tua